Defender os direitos humanos fundamentais pode ser, em muitas partes do mundo, um risco. Não apenas em regimes ditatoriais, mas também em algumas democracias em crise. É preciso coragem, como diz Francisco, para “opor-se ativamente à pobreza, à desigualdade, à falta de trabalho, terra, moradia, direitos sociais e trabalhistas”. O Papa nos convida neste mês a apoiar aqueles que assumem as consequências da defesa dos direitos fundamentais onde não é fácil, «para que seu sacrifício e trabalho dêem frutos abundantes». Não vamos deixá-los sozinhos. Rezem e compartilhem estas palavras do Papa para que estes homens e mulheres corajosos sintam-se acompanhados em seu trabalho.

“Para defender os direitos humanos fundamentais é preciso coragem e determinação.

Refiro-me a opor-se ativamente à pobreza, à desigualdade, à falta de trabalho, de terra, de habitação, de direitos sociais e trabalhistas.

Lembrem-se que muitas vezes os direitos humanos fundamentais não são iguais para todos.

Há pessoas de primeira, de segunda, de terceira e de descarte.

Não. Têm que ser iguais para todos.

E, em alguns lugares, defender a dignidade das pessoas pode significar ir para a prisão, inclusive sem julgamento. Ou pode significar a calúnia.

Cada ser humano tem direito a desenvolver-se integralmente, e esse direito básico não pode ser negado por nenhum país.

Rezemos por aqueles que arriscam suas vidas lutando pelos direitos fundamentais em ditaduras, regimes autoritários e inclusive em democracias em crise, para que seu sacrifício e trabalho dêem frutos abundantes.”

O Vídeo Papa divulga todos os meses as intenções de oração do Santo Padre pelos desafios da humanidade e pela missão da Igreja.

Se você quiser ver mais vídeos e outros conteúdos sobre as intenções de oração do Papa, encontrará em https://www.ovideodopapa.org/

Com a colaboração de:
Vatican Media https:/www.vaticannews.va/
Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral
http://www.humandevelopment.va/
Movimiento Católico Global pelo Clima
https://catholicclimatemovement.globa…

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

CAPTCHA


Postar Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.